Porto de Mós dá o mote à “Rota do Ambiente – Arte Pública para a Urbanidade”

Porto de Mós dá o mote à “Rota do Ambiente – Arte Pública para a Urbanidade” Foi inaugurado, no passado dia 30 de março, em Porto de Mós, e em parceria com a SUMA, o primeiro mural da “Rota do Ambiente – Arte Pública para a Urbanidade”...

Foi inaugurado, no passado dia 30 de março, em Porto de Mós, e em parceria com a SUMA, o primeiro mural da “Rota do Ambiente – Arte Pública para a Urbanidade”, numa cerimónia que contou com a presença do presidente da edilidade, João Salgueiro, e do presidente do Conselho de Administração da SUMA, Jorge Rodrigues.

Esta ação de sensibilização, que alia cidadania, arte e requalificação num só projeto, recupera espaços devolutos, recorrendo a expressões artísticas ligadas à street art, ou arte pública, incidindo em temáticas ligadas à urbanidade e à sustentabilidade ambiental, sendo que esta primeira obra, realizada numa estrutura do Parque Verde, versa sobre as regras de deposição de pequenos lixos nos espaços públicos e a responsabilidade partilhada no que toca à sua conservação.

Utilizando técnicas mistas próprias do movimento de street art, ou arte pública (pintura e stencil), foram trabalhadas as temáticas dos resíduos nas vias públicas, os pequenos lixos produzidos em passeio e o papel do cidadão ativo no cumprimento das regras de urbanidade.

A exposição a um vasto leque de sujeitos e o seu desenvolvimento em espaço público, onde é maior a necessidade de sensibilização para as questões de cidadania, são as principais razões que levaram à integração desta modalidade artística num novo e inovador projeto.

Voltar
Apoios Leiria Região Digital AMLEI pos_conhecimento FEDERAcessibilidade

Contactos | Avisos legais
Copyright © 2002-2012 Todos os direitos reservados.